gallery photo

Nova Rubrica “Entre Tachos & Panelas” – O Pão!

Fevereiro 26, 2018 by: Chez Sónia À La Carte ,Brunch ,Entradas & Petiscos ,Jornal ,Lanche ,Pequeno - Almoço ,Saudável

O Pão!

– O Alimento mais antigo do Mundo –

2018-02-26 16.29.09

Esta semana debruçamos-nos num alimento bastante complexo e que tanto se houve falar: O Pão!

Segundo a Direcção – Geral de Saúde, “o pão é um dos alimentos mais antigos e consumidos no mundo inteiro.

Do ponto de vista alimentar e nutricional, o pão possui uma capacidade única de fornecer energia de elevada qualidade, facilmente digerível, de boa conservação e com enorme versatilidade gastronómica. Daí o seu enorme sucesso até aos dias de hoje.

Tabelas nutricionais2

Tabelas nutricionais1

O pão é um alimento com grande variedade de escolha. Opte pelas variedades integrais e de mistura.”

Hoje em dia é um tema de constantes debates, sobretudo devido ao glúten. Mas felizmente a nossa indústria já consegue responder a esses casos mais complexos e assim dar a hipótese ao consumidor de continuar a comer o seu pão, pondo á disposição farinhas sem glúten para que continuemos a deliciar-nos com esse alimento tão saboroso!

Pão dos 5 minutos

Esta receita é uma das mais revolucionárias e faladas de todos os tempos: chamam-lhe o “Artisan Bread”. Nós, Portugueses, chamamos-lhe o pão dos 5 minutos. Porquê? Porque podemos ter pão fresco todos os dias, apenas em 5 minutos.

Como começamos? Fácil! Num recipiente grande com tampa, irá colocar 750ml de água tépida. Depois adicione uma saqueta de fermento seco. Adicione também um pacotinho de açúcar, para “acordar o fermento”, pois o fermento é uma bactéria benéfica, um micro organismo que precisa de se alimentar. Como está seco, está “adormecido”. O açúcar fará com que o fermento comece a ganhar vida. Mexa ligeira e suavemente e tape. Deixe o açúcar actuar no fermento e fazer a sua magia, cerca de 5 a 7 minutos será suficiente. Quando começar a ver uma “espuma” ao cimo da água, está pronto para o próximo passo.

Adicione então um pacote inteiro de farinha (tipo 65) para dentro do recipiente. Deixe cerca de 2 minutos, para a água começar a absorver a farinha e depois é só mexer com uma colher de pau. Só nesta altura poderá adicionar o sal também. Se adicionarmos antes, irá “matar” o fermento. Mexa e envolva a farinha na água, até começar a formar uma massa. Não se preocupe de ficar com um aspecto peganhento ou “tosco”. Não precisa pôr as mãos na massa!

Tape, deixe em cima da bancada da cozinha, sem correntes de ar, durante cerca de 4h. Após esse tempo, já pode fazer o seu pão.

Tenha um recipiente com farinha a seu lado, pronto para receber um pedaço de massa. Retire então agora o pedaço de massa que desejar, passe por esse recipiente com farinha, envolva e faça a forma que quiser, e deposite em cima de um tapete de silicone, ou forma de bolo inglês ou até mesmo folha de papel vegetal.

Vai ao forno pré-aquecido cerca de 30 minutos a 220/230ºC.

A partir daqui é só inventar. Pode colocar sementes, ervas frescas, azeitonas, pedaços de enchidos ou carnes frias, queijo… Por cima e/ou por dentro. Pode até, inclusive, retirar 500 g de farinha de trigo no início e substituir por farinha integral.

Depois de ter esta massa feita, não precisa fazer a massa toda. O nome deste pão vem a partir de agora. Guarde a restante massa no frigorífico. Conserva-se até 2 semanas. E assim, a partir de agora, todos os dias de manhã, basta ir ao frigorífico, retira um pedaço de massa, coloca em cima do papel vegetal, e enquanto faz o pré-aquecimento do forno, a massa descansa em cima do tabuleiro. Após 10 minutos, introduza no forno quente e aguarde impaciente por esta maravilha!

20161208_115621_wm

20161208_115800_wm  20161211_145714_wm  20161211_144644_wm

2017-12-16 12.22.43

2016-04-04-19.06.39

Veja mais dicas desta receita: Pão dos 5 minutos com sementes;

Pão dos 5 minutos

Pão dos 5 minutos integral com azeitona

Pão dos 5 minutos de chia

Veja o vídeo:

No vídeo, no final envolve-se com um super alimento de cor verde. Chama-se Clorela. Veja mais neste post sobre este super alimento. Mas é uma opção. Não precisa fazer. Salte este passo para o pão simples.

Dica: Não precisa de estar as 4h a levedar na bancada da cozinha. Pode levedar 2h e colocar o resto do tempo no frigorífico. A massa irá levedar o restante tempo no frio! Para um exemplo prático: faça a massa enquanto prepara o jantar. Depois, todo o tempo que tem até ir dormir, a massa tem tempo para levedar. Coloque no frigorífico antes de ir para a cama e no dia seguinte de manhã tem massa fresca para o pequeno-almoço. Só precisa mesmo de 5 minutos para retirar a massa, mais 30 minutos de cozedura. Nada mais!! E “Olá pão quentinho e super apetitoso!” Vai ver que com a prática irá começar a fazer esta receita de olhos fechados e começar a perceber o prático que ela é! Pode fazer também bases de pizzas. Assim quando chega a casa já tem a massa pronta. É só esticar e colocar ingredientes!

Pão sem glúten

Existem já no mercado várias opções de pães já feitos sem glúten, mas continuando na onda do pão feito em casa, deixo mais uma receita.

Pode comprar as farinhas sem glúten e seguir as instruções da embalagem, como pode também fazer a sua própria farinha.

Num recipiente, adicione 170g de farinha de sementes de girassol, 210 g de polvilho doce (ou azedo) e uma saqueta de levedura seca sem glúten. Faça um buraco, e no meio junte 1 colher de sopa de azeite, uma pitada de sal e 200 ml de água tépida. Mexa apenas com um garfo. Deixe repousar cerca de 30 minutos.

Após esse tempo, pré-aqueça o forno a 180ºC e comece a formar bolinhas com a massa. Irá facilitar mexer na massa, se tiver as mãos molhadas. Rende 6 bolinhas, com cerca de 100g cada uma. Introduza no forno já quente e coza durante 30 minutos.

Delicie-se com estas maravilhas sem glúten e um pedacinho da nossa manteiga ou queijo!

Pão sem glúten - desfocado

Créditos: DGS; Temperos da Argas; Artisan Bread.

Não perca a rubrica “Entre Tachos & Panelas” da próxima semana! Vamos falar sobre chocolate.

Comentários

0 Comments

Add a comment