gallery photo

Nova Rubrica “Entre Tachos & Panelas” – O Valentim! – Parte II

Fevereiro 13, 2018 by: Chez Sónia À La Carte ,Afrodisíaco ,Carne ,Doces ,Jornal

O Valentim!

– Dia dos Namorados –

Parte II

2018-02-12 15.09.08

Servindo como mote o tema da semana passada, esta semana continuamos a falar sobre o dia dos namorados.

Como havia referenciado, há várias teorias sobre este Santo. Pegando na história anterior, o Sacerdote, de nome Valentim, que violou um decreto imperial,  não demorou muito tempo para que acabasse preso e condenado à morte. Até à sua execução, foi recebendo flores e bilhetes (o que explica a troca de postais, cartas e presentes, hoje em dia) enviados por anónimos como demonstração de apoio e consideração pela sua conduta.

Mas no entretanto, existe uma milagrosa história de amor.

A filha do carcereiro de Valentim, que era cega, movida pela curiosidade, terá pedido para o visitar no cárcere e, mal se aproximou dele, recuperou a visão. Ambos se apaixonaram um pelo outro. Numa carta escrita à sua amada, o Sacerdote ter-se-á despedido com a expressão “do seu Valentim”, que ainda é usada na língua inglesa (“valentine“) para designar namorado.

Mas esta história não tem final feliz: ainda segundo a lenda, a ordem de execução dada por Cláudio II foi cumprida e Valentim acabaria por ser decapitado num 14 de Fevereiro de finais dos anos 200 (séc. III).

No entanto, 14 de Fevereiro não deixa de ser festejado em todo o mundo, tendo passado a fazer parte das tradições nacionais. Assim sucede há séculos.

Ora Portugal não é excepção e nesta rubrica mais uma vez encontrará soluções para festejar este dia (e todos os outros, porque não?) com muito romantismo.

Nunca se esqueça que o segredo é fazer as coisas com muito amor e paixão e cozinhar com ingredientes afrodisíacos assim como fazer receitas que coloquem um sorriso rasgado na cara do seu companheiro.

Coc au vin

Coc au vin significa frango ao vinho, ou seja, o frango será cozinhado nesse néctar dos Deuses. O segredo é usar produtos com alguma qualidade. Nunca use vinho nos seus cozinhados, que não tenha qualidade para beber.

Num tacho, coloque 2 chalotas picadas (ou uma cebola média), um fio de azeite, pedacinhos de bacon, ou chouriço/paio a gosto e meio frango em pedaços, temperado de sal e pimenta.

Deixe alourar. Pouco depois deite 6 cogumelos laminados, tape e deixe suar, para os cogumelos largarem a sua água e todos os ingredientes ganharem sabor. Aos poucos vá regando com vinho tinto. Deixe apurar e cozinhar e sempre que ache necessário vá colocando mais um pouco de vinho (num total deve ser necessário cerca de 250 ml de vinho para meio frango).

Quando o frango estiver cozinhado (não necessita mais do que 30min), deite uma colher de chá de farinha num copo, junte uma colher de sopa de vinho para dissolver a farinha e coloque dentro do tacho, fora do lume.

Vai novamente ao lume para engrossar o molho. Acompanha com arroz branco ou batata frita.

2016-12-19 13.14.34

Bife Flambé com Molho de Chocolate e Legumes a Vapor

Se quiser algo diferente, mais leve e simples, experimente este bife flamejado com molho de chocolate. O seu companheiro vai ficar bastante surpreendido pela combinação de sabores.

Numa frigideira coloque uma colher de sopa de manteiga e um fio de azeite. Tempere e aloure dois bifes de ambos os lados. Retire e reserve quente (num prato com folha de alumínio por cima, por exemplo).

Nessa mesma frigideira (fora do lume) coloque 50 ml de rum (ou outra bebida de valor alcoólico elevado) e flameje (muito cuidado com este passo!!). Abane constantemente a frigideira para que todos os sabores se incorporem e o fogo se extinga sozinho. Adicione cerca de 4 a 5 colheres de ganache de chocolate* e volte a envolver bem, abanando a frigideira.

Retire o molho para uma molheira e ao servir coloque o chocolate por cima do bife e termine com pimenta rosa acabada de moer, por cima do chocolate.

Acompanhe com legumes cozidos a vapor.

Dica: Se quiser algo mais arrojado e regional, experimente pimenta da terra moída no molho de chocolate!

2015-02-05 20.34.52

Bolo com cobertura de Chocolate e Recheio de Morango

O bolo é feito muito simples, com 4 gemas e 180 g de açúcar, batidas na batedeira até formar um creme esbranquiçado, depois adicione 220 g de manteiga à temperatura ambiente e bata mais um pouco. Peneire 200 g de farinha com 1 colher de chá de fermento e incorpore. As claras são batidas em castelo e adicionadas no fim, também só incorporadas.

Deite o preparado numa forma sem buraco untada e leve ao forno pré-aquecido a 180ºC durante 30 min ou até estar cozido.

Depois de retirar do forno, deixe arrefecer ligeiramente. Desenforme e divida ao meio. Coloque 3 colheres de sopa de compota de morango. Volte a colocar a parte de cima do bolo e barre com o ganache*. Decore a gosto.

*Para a ganache:

Utilize um pacote de natas (200 ml) e uma tablete de chocolate negro (200 g). Escolha sempre chocolate com 70% de cacau no mínimo.

Primeiro ferva as natas. Coloque o chocolate partido aos bocados pequenos numa taça que aguente o quente e verta as natas. Aguarde 5 minutos para que o chocolate fique todo com a mesma temperatura e mexa até incorporar bem. Quanto mais mexer mais brilhante fica.

2015-02-06 13.30.47

Veja estas e outras curiosidades sobre São Valentim AQUI.

Não deixe de ler o artigo anterior AQUI.

Créditos da história de São Valentim: Internet

Não perca a rubrica “Entre Tachos & Panelas” da próxima semana! Vamos falar de massa.

Comentários

0 Comments

Add a comment